UNIVERSIDADE COLINAS DE BOÉ PRETENDE CONTINUAR A IMPRIMIR  RIGOR NA FORMAÇÃO DOS QUADROS DA GUINÉ-BISSAU

UNIVERSIDADE COLINAS DE BOÉ PRETENDE CONTINUAR A IMPRIMIR RIGOR NA FORMAÇÃO DOS QUADROS DA GUINÉ-BISSAU

A Universidade “Colinas de Boé”, vai continuar a imprimir o rigor na formação dos quadros guineenses, disse esta quarta-feira (25 de Outubro de 2017) o Reitor daquele estabelecimento de ensino superior privado da Guiné-Bissau, Pedro da Costa.

“O dinamismo que é imprimido nesta universidade durante muito tempo é manter o rigor na formação de quadros guineenses, por isso que o assento tônico tem sido feito essencialmente no rigor apostando na qualidade dos estudantes”, declarou da Costa.

De acordo com Pedro da Costa, um dos principais objectivos desta instituição de ensino superior, é a qualidade de formação dos futuros quadros desta nação.

Neste sentido, o reitor apelou aos estudantes a darem o melhor neste estabelecimento para no futuro servirem melhor a Guiné-Bissau.

Pedro da Costa, discursava esta terça-feira a margem da abertura do ano lectivo 2017-2018 na Universidade Colinas de Boé que teve lugar nas suas instalações, sita no bairro de Hafia aqui em Bissau.

Na ocasião, o presidente da Associação Académica da Universidade “Colinas de Boé”, Gerson Lima Ié, revelou que a instituição que preside esta disponível em contribuir para uma mudança positiva neste estabelecimento do ensino superior guineense.

“Este acto constitui uma prova inequívoca da nossa vontade inabalável e a determinação em trabalhar para uma boa mudança positiva na universidade “Colinas de Boé”, argumentou Lima Ié.

Fundada em 10 de Dezembro de 2008, pelo já falecido Professor Doutor Fafali Koudawo, um pouco antes da criação da Universidade Amílcar Cabral, a única Universidade Publica da Guiné-Bissau.

A Universidade “Colinas de Boé” lecciona vários cursos, entre quais podemos destacar Administração, Contabilidade, Gestão, Direito, Marketing e Comercio Internacional, História e Geografia e a Sociologia.

De recordar que após a sua fundação, o estabelecimento do ensino superior privado, estabeleceu um acordo de cooperação com o Instituto Politécnico de Leiria em Portugal.

/ /  Alison Cabral e Aminata Djanté

Partilhar esta notícia...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email

Deixe uma resposta

Close Menu