MINISTÉRIO DO INTERIOR DISPONIBILIZA MAIS DOIS MIL AGENTES PARA ASSEGURAR O FESTEJO DO PRIMEIRO DE MAIO

MINISTÉRIO DO INTERIOR DISPONIBILIZA MAIS DOIS MIL AGENTES PARA ASSEGURAR O FESTEJO DO PRIMEIRO DE MAIO

Cerca de 2.800 agentes da força de segurança da Guiné-Bissau vão fazer o patrulhamento e o asseguramento nas diferentes praias da Guiné-Bissau e em alguns locais de lazeres, anunciou, esta segunda-feira, 30 de Abril, o Comissariado Nacional da Polícia de Ordem.

Em conferência de imprensa, o Comissário Nacional Adjunto para Operação e Segurança, superintendente Salvador Soares, apelou aos cidadãos nacionais e estrangeiros maior civismo.

“É fundamental pautar pela responsabilidade para assinalarmos o festejo do primeiro de maio, por isso, apelamos às pessoas para manifestam-se de uma forma harmoniosa e com grande responsabilidade, evitando o uso de materiais cortantes tais como a faca, lâmina e garrafa”, disse.

Para além do apelo aos cidadãos, em particular aos jovens que estarão nas praias para assinalar o primeiro de Maio, Salvador Soares, instou os condutores das viaturas para evitarem de conduzir embriagado.

“Outra chamada de atenção muito importante é relativamente com os nossos motoristas que estarão com as viaturas nas diferentes localidades para deixarem o consumo de álcool”, referiu ainda Soares.

De acordo com o responsável, os agentes da força de segurança vão fazer patrulhamento e asseguramento nas zonas com maior número de pessoas, nomeadamente, a praia de Varela, de Quinhamel, do Sector Autónomo de Bissau, no surro, cocilintra, Bolama e Pefine da areia.

Os agentes da segurança estão compostos pelos homens da Policia de Ordem Publica, Guarda Nacional, Proteção Civil, Bombeiros e Comunicação Operacional de Ministério do Interior, segundo a indicação do superintendente.

O Dia do Trabalho ou Dia Internacional dos Trabalhadores é celebrado anualmente no dia 1º de Maio em numerosos países do mundo, sendo feriado no Brasil, em Portugal, Guiné-Bissau, Angola, Moçambique e outros países.

No calendário litúrgico celebra-se a data em memória de São José Operário por se tratar do santo padroeiro dos trabalhadores. Em 1886, realizou-se uma manifestação de trabalhadores nas ruas de Chicago, nos Estados Unidos. Essa manifestação tinha como finalidade reivindicar a redução da jornada de trabalho para 8 horas diárias e teve a participação de milhares de pessoas. Nesse dia teve início uma greve geral nos Estados Unidos.

Por: Alison Cabral

Partilhar esta notícia...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email

Deixe uma resposta

Close Menu