ELEIÇÕES: GABINETE DE APOIO AO PROCESSO ELEITORAL PROLONGA RECLAMAÇÕES POR 10 DIAS

ELEIÇÕES: GABINETE DE APOIO AO PROCESSO ELEITORAL PROLONGA RECLAMAÇÕES POR 10 DIAS

O Gabinete Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral na Guiné-Bissau anunciou hoje que prolongou até 14 de fevereiro o período de reclamações para a correção de dados nos cartões de eleitores e recolha de impressões digitais em falta.

Segundo o GTAPE, a decisão de prolongar por mais 10 dias o período de reclamações deve-se ao facto de ainda não se terem concluído “algumas operações no terreno”.

No comunicado, a estrutura do Governo responsável pela organização e direção do recenseamento eleitoral refere que a decisão teve também em conta o pedido da Comissão Nacional de Eleições, que pediu ao GTAPE para prorrogar por mais 10 dias o processo de atendimento de reclamações e “consequente consolidação dos cadernos eleitorais”.

O GTAPE apela aos eleitores para se dirigirem aos círculos eleitorais onde se recensearam para corrigirem falhas ou omissões constatadas.

O gabinete iniciou a 25 de janeiro a afixação dos cadernos eleitorais provisórios e o atendimento de reclamações para a correção de dados nos cartões de eleitor e a recolha de impressões digitais em falta no país e na diáspora.

Os partidos têm denunciado que os cadernos eleitorais ainda não foram afixados em todas as zonas do país e na diáspora e que, por isso, as pessoas não têm conseguido apresentar as suas reclamações.

Segundo a lei eleitoral da Guiné-Bissau, as reclamações aos cadernos eleitorais provisórios deveriam ter terminado na quinta-feira.

Os dados provisórios do recenseamento eleitoral, que terminou em dezembro, apontam para o registo de 733.081 eleitores em todo o território nacional e diáspora.

A Guiné-Bissau vai realizar eleições legislativas a 10 de março.

As eleições estiveram inicialmente marcadas para 18 de novembro, mas dificuldades técnicas e financeiras provocaram atrasos no início do recenseamento eleitoral e consequentemente o adiamento do escrutínio.

Lusa

Partilhar esta notícia...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email

Deixe uma resposta

Close Menu