Braima Dabó recebe prémio ‘fair play’ da federação internacional de atletismo

Braima Dabó recebe prémio ‘fair play’ da federação internacional de atletismo

Braima Dabó, da GUINÉ-BISSAU 🇬🇼 , ganhou hoje o prémio ‘fair play’ na gala da World Athletics, federação internacional de atletismo, depois de ter ajudado um adversário durante os Mundiais de Doha.

Dabó, que estuda em Bragança e representa o Maia Atlético Clube, ajudou o atleta Jonathan Busby, de Aruba, uma pequena ilha das Caraíbas, a terminar a prova eliminatória dos 5.000 metros.

No Estádio Khalifa, Busby quebrou fisicamente e apresentou mesmo dificuldades para se manter em pé a cerca de 250 metros da meta, uma situação que Dabó não deixou passar em claro, voltando atrás para ‘carregar’ o colega e concluírem a prova ao mesmo tempo.

Apesar de terem sido últimos, com um tempo na casa dos 18 minutos, numa prova ganha pelo etíope Selemon Barega (13.24,69 minutos), os dois atletas receberam uma enorme ovação do público presente nas bancadas.

Na gala da World Athletics, no Mónaco, o queniano Eliud Kipchoge foi eleito o atleta masculino pelo segundo ano consecutivo, depois de vencer a Maratona de Londres, com a terceira melhor marca da história, conseguindo depois baixar das duas horas, numa iniciativa privada, que não conta como recorde.

A norte-americana Dalilah Muhammad foi escolhida como atleta feminina num ano em que bateu por duas vezes o recorde do mundo dos 400 metros barreiras, a última das quais na final dos Mundiais.

LUSA

Partilhar esta notícia...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email

Deixe uma resposta

Close Menu